Suspeitos de estupro de adolescente de 14 anos são presos em Porto Xavier

Caso ocorreu na madrugada desta sexta-feira (29).

Laudo aponta para violência sexual.

Polícia investiga se houve a participação de outros homens.

Polícia Civil de Porto Xavier prendeu dois homens suspeitos de estuprarem adolescente de 14 anos Polícia Civil/Divulgação A Polícia Civil prendeu nesta sexta-feira (29) dois homens suspeitos de estuprarem uma adolescente de 14 anos em Porto Xavier, no Noroeste do Rio Grande do Sul.

Segundo a polícia, o crime ocorreu na madrugada. A adolescente foi acompanhada da mãe até a delegacia para fazer a denúncia. "Eles estavam na zona portuária de Porto Xavier, nos barzinhos, e essa menina estava com os amigos.

Os dois também estavam por ali.

Acabou que a menina ingeriu muita bebida alcoólica, e logo passou mal, pediu para ir para casa.

Eles se ofereceram para levar ela para casa, só que não levaram para a casa dela, levaram para casa deles.

E ali acabou acontecendo o estupro", afirmou o delegado Heleno dos Santos. De acordo com ele, os suspeitos trabalham em uma obra de calçamento na cidade, para a qual a empresa aluga uma residência para os funcionários.

"Tinha outros homens na casa também.

Ela disse que lembra deles [os dois presos], mas não sabe se os outros não teriam violentado ela.

Porque ela ficou inconsciente", pontua. A polícia prendeu um dos homens em Porto Xavier.

O segundo estava indo trabalhar em Cerro Largo, a 60km da cidade, e foi preso pela polícia do outro município. "Ele foi trazido para cá [Porto Xavier] e aqui estamos lavrando o auto da prisão em flagrante.

Nesse meio tempo, a menina foi encaminhada para exame, que chegou na metade da tarde com o resultado positivo para estupro.

Ela realmente tem sinais que comprovam a violência sexual.

Em função disso os dois estão sendo autuados", disse o delegado. A polícia investiga se houve a participação dos outros ocupantes da casa no estupro. "Já ouvimos um.

Falta ouvir mais dois, que não estavam no local.

Não tem a identificação completa deles, mas vamos buscar", afirma Heleno.

Categoria:Rio Grande do Sul